Consulta Online
  • Português (Brasil)
  • English (United States)
Home » Notícias » Eleição trouxe mais otimismo para os Corretores
A+ R A-

Eleição trouxe mais otimismo para os Corretores

E-mail Imprimir PDF

 

Ao que tudo indica, o resultado das eleições de outubro trouxe mais otimismo para os corretores de seguros. É o que sinaliza pesquisa realizada pela Fenacor, no final do mês passado, visando a medir o nível de confiança do mercado.

Segundo o levantamento, intitulado ICSS – Índice de Confiança do Setor de Seguros – 62% dos corretores de seguros entrevistados responderam que, no primeiro semestre de 2019, a economia ficará “melhor” (54%) ou mesmo “muito melhor” (8%). Apenas 8% temem um quadro “pior” (4%) ou “muito” (4%) e 30% acreditaram que não haverá mudanças.

Quanto ao faturamento do mercado, 54% dos corretores acreditam que haverá um cenário “melhor” nos próximos seis meses e 4% estão ainda mais otimistas, apostando resultado “muito melhor”. Outros 38% apostam na estabilidade e somente 4% enxergam razões para um desempenho “pior”.

Ainda entre os corretores, 42% acreditam que a rentabilidade do mercado vai se manter no mesmo patamar no próximo semestre e outros 54% apostam em um cenário “melhor” (46%) ou “muito melhor” (8%). Há ainda 4% que temem um quadro “pior”.

Entre os seguradores entrevistados, 72% acreditam que a rentabilidade permanecerá estável e 18% apostam em um avanço nos próximos meses.

Também entre os seguradores, 97% dos entrevistados projetam um faturamento “melhor” (41%), “muito melhor” (3%) ou ao menos igual (53%) nos próximos meses.

Responsável pela pesquisa, o consultor Francisco Galiza afirma que “o setor reagiu bem ao resultado eleitoral”.

Segundo ele, prova disso é que o índice que mede a confiança das seguradoras (ICES), por exemplo, subiu 26%, atingindo um patamar pouco acima de 115 pontos. “Esse é o maior percentual apurado desde abril”, acrescenta Galiza, para quem o resultado sinaliza que há uma expectativa positiva quanto às medidas econômicas que serão adotadas pelo novo governo, a partir de 2019.

O ICSS é o resultado de três variáveis: ICES (Índice de Confiança e Expectativas das Seguradoras), ICER (Índice de Confiança e Expectativas das Resseguradoras) e ICGC (Índice de Confiança das Grandes Corretoras).

Todo final de mês, são enviadas perguntas simples, de múltipla escolha, em que as empresas dizem sobre o que esperam que aconteça nos próximos seis meses, com relação a algumas variáveis relevantes do setor.

Ao todo, aproximadamente 100 executivos de corretoras, seguradoras e resseguradoras são entrevistados em cada oportunidade.
FONTE: CQCS

Calendário de Notícias

< Novembro 2018 >
Se Te Qu Qu Se Do
      1 2 3 4
5 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30    

Login

Cadastre-se

*
*
*
*
*

* Campos obrigatórios